Materiais inusitados usados na decoração

9 de setembro de 2011 at 9:00 am Deixe um comentário

Morar Mais por Menos explora novas possibilidades na criação de ambientes

O que para muitos pode ser um material descartável, inútil, tendo como destino certo o lixo, para outros se transforma em um objeto de decoração. A reciclagem de objetos é uma realidade e, para quem acha que do lixo não pode ser gerado o luxo, a mostra Morar Mais por Menos – o Chique que Cabe no Bolso prova que é possível usar materiais de maneira inteligente, sem abrir mão do bom gosto e da sofisticação.

Segundo Élian Pérsia, coordenadora da Morar Mais por Menos, a proposta da mostra é oferecer possibilidade de decoração criativa. “O evento é a oportunidade para que os profissionais explorem seu lado mais criativo, reaproveitando materiais inusitados e dando nova utilidade ao que todos já estão acostumados. Muita gente vem à mostra e sai daqui cheio de ideias de como usar um produto de outra forma”, disse.

É o caso da empresária Paloma Domingues, que todos os anos visita a feira e garante sair com muitas possibilidades em mente para renovar os ambientes. “Eu adoro a maneira como a Morar Mais por Menos me faz ver velhos objetos com novos olhos. Nas mãos desses profissionais surgem ideias muito boas. Todo ano eu tiro alguma coisa daqui para aplicar em minha casa”.

Responsável pela Sala de Cinema da Estilista, Samira Ader, em parceria com Andréa Medeiros, garante que as ideias usadas para serem apresentadas na mostra se aplicam perfeitamente ao dia a dia. “No projeto da mostra, procuramos alternativas para deixar o ambiente chique, mas privilegiando materiais reaproveitáveis. A cortina, por exemplo, é um rolo de tecido apoiado em um bastão de suporte. Apenas desenrolamos o pano e o deixamos cair. No painel, usamos rolos de papelão. Tem o centro de mesa com rolos de filme e os bancos são os de bicicleta”, explica.

Beleza. No espaço Quarto da Filha Estudante de Moda, de Renata Afonso e Rosane Guedes, a cortina é feita de pet e o painel acima da cama de rolo de tecido

Tudo pode ser reaproveitado
Profissionais mostram como reaproveitar objetos diversos na Morar Mais por Menos, em Belo Horizonte
Da cozinha moderninha, inspirada em uma cantora, à sala de jantar requintada a palavra de ordem é uma só: reciclar. Criatividade e requinte se encontram na Morar Mais por Menos – o Chique que Cabe no Bolso. Em sua quinta edição em Belo Horizonte, a mostra é uma prova de que, com criatividade, qualquer objeto pode se tornar útil e bonito.

Para a organizadora do evento, Josette Condurú Davis, a proposta do Morar Mais por Menos é oferecer ao público a oportunidade de decorar ambientes com preço justo. “Todos os profissionais envolvidos buscam soluções chiques, voltadas para os públicos das classes A e B, e com preços acessíveis”, garante.

Criador do Espaço Multiuso do Designer, o designer de interiores Marco Dias Reis tentou aproveitar ao máximo os materiais. O painel foi feito com retalho de MDF e, gavetas e o sofá, com caixotes de frutas. Tudo isso com muito bom gosto.

“É preciso reaproveitar materiais. Isso hoje é fundamental para criação de um ambiente bonito, funcional e sustentável. O conceito Morar Mais sempre fez parte de meu estilo de produzir, pois faço questão de respeitar o bolso do cliente e os recursos naturais”, conta Reis.

No espaço Quarto da Filha Estudante de Moda, projeto de Renata Afonso e Rosane Guedes, todos os detalhes foram pensados para criação de um projeto sustentável. Até a cortina foi feita com garrafa pet, sem perder a delicadeza que um quarto feminino requer.

“Mesmo usando materiais menos nobres é possível criar um ambiente requintado. A palavra de ordem é reaproveitamento. Precisamos pensar sempre em opções e alternativas sustentáveis. Não é uma questão só de economia, mas de consciência ambiental”, conta.

Para a arquiteta Anna Helena Masseo, que em parceria com Luciana Abreu criou o Escritório do Jornalista/Espaço Jornal O TEMPO, também fez questão de privilegiar materiais reaproveitáveis. “Um bom exemplo do nosso projeto foram os banquinhos feitos com exemplares do jornal O TEMPO. Ficou lindo e muito sustentável também”, afirma.

Fonte: Letíca Murta – O Tempo BH

Anúncios

Entry filed under: Decoração, Dicas. Tags: , , , , , , , .

Condomínios caem no gosto do bauruense Sustentabilidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sobre o Blog MRV

Aqui você encontra notícias sobre o mercado imobiliário, lançamentos de empreendimentos, hotsites e campanhas, dicas de decoração, matérias sobre a MRV.

Galeria MRV no Flickr

setembro 2011
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Feeds

MRV no Twitter


%d blogueiros gostam disto: